terça-feira, 12 de julho de 2011

Os dias e as noites

passam sem darmos por isso...

10 de Julho de 2007 - 10h

40 semanas - CTG e Toque
Médica: - Tens que andar muito!!! o bebé está posicionado, mas tem que descer!!!
Eu: - Mas eu ando e subo e desço escadas várias vezes por dia!!!
M.: - Não chega, tem que ser mais!!
Eu: - Humpffff - já tou cansada.... com este calor e esta barriga do tamanho do mundo não é fácil....
M.: - Não chega.... vamos marcar o parto, temos que provocar....


11 de Julho (Durante o dia)

Dormi mal ( pior que nas outras noites) acordei estranha... sentia-me esquisita, sem dores, mas estranha...
Fui à rua várias vezes, subi e desci escadas, fui às compras sempre a pé - à tarde já não consegui sair de casa. Estava enjoada, não me apetecia comer, não tinha posição para estar.
Depois do jantar a famosa voltinha no parque - não durou nem 10 minutos - tive q vir para casa. Sentia-me "cheia", como se a pele estivesse a pontos de rebentar - deitei-me cedo, mas não conseguia dormir...



12 de Julho de 2007 - 00h35

Acordei estremunhada, sonhei que estava a tomar banho de água quente.... pois, as águas rebentaram. Hospital, vista pelo médico ("Está muito atrasado - talvez só de manhã) - Antibióticos, clisters, etc etc etc. Uma noite horrivel, acho que nasceram dois bebés. E eu nada!!! Nem dores, nem contracções, nada de nada.

10h00

Visita médica - novo toque (deu-me vontade de pregar duas chapadas em alguém!!!) - "Vamos ter que provocar...."


15h00

Novo toque - (a vontade de dar chapadas quadriplicou!!!) - "Lamento, mas não podemos esperar mais, temos que avançar para Cesariana...."
Chorei imenso, não queria, pelo menos desta vez um parto normal....

15h40

53 cm e 3,400 Kg
Moreno e toneladas de cabelo...
Indice de Apgar ao minuto 1 - 10
Indice de Apgar ao minuto 10 - 10

A roupa quase não servia!!!! os pés enormes, o cueiro ficava repuxado... mas era lindo!!!!
As pernas não paravam - "Rosa, não consigo vestir as meias ao teu filho!!!! Olha para isto...."


Gritou sempre, esperneou sempre até que finalmente eu estava pronta para ele - agarrou-se à mama com as duas mãos e suspirou enquanto mamava ( que foi imenso!!)


4 anos, tem uns olhos negros lindos e meigos - a roupa continua a ser para mais velhos, porque da idade dele não dá.
Continua a comer como se não houvesse amanhã, continua a espernear e a correr (sim, porque o meu filho não sabe andar!!)

Os dias e as noites passam.... e já lá vão 4 anos, e já não é um bebé...


2 comentários:

  1. Muitos parabens!!! :-)))
    Que rapagao!! Vai partir coracoes!! ;-))
    Beijinhos e Parabens aos pais tambem! ;-)

    ResponderEliminar
  2. Obrigado Sandra!!!
    É um rapagão sim.... delicioso!!

    Beijos :)

    ResponderEliminar